No caso de, após inspeção dos equipamentos no local e avaliação da documentação fornecida pelo proprietário, se verificar que não é possível caracterizar a potência das bombas e ventiladores, o PQ poderá:

Para o caso dos ventiladores:

  1. Medir o consumo elétrico dos ventiladores e determinar a respetiva potência;
  2. Caso não seja viável a medição do consumo dos ventiladores, poderá estimar a potência dos ventiladores considerando o caudal do ventilador (m3/s) e assumindo uma potência específica do ventilador SFP (W/(m3/s)) correspondente ao limite superior em vigor (ver Tabela I.21  da Portaria nº 349-D/2013);

Para o caso das bombas:

  1. Medir o consumo elétrico das bombas e determinar a respetiva potência;
  2. Caso não seja viável a medição do consumo das bombas de (re)circulação, o PQ poderá estimar a potência, com base nas condições de caudal e perda de carga da instalação através, por exemplo, de software disponibilizado por fabricantes de bombas.

As limitações na informação disponível e os pressupostos assumidos devem ser referidos no campo de notas e observações do certificado SCE.

Close Menu